sábado, 23 de julho de 2011

Qual o ponto mais distante que você viu hoje


Não pretendia escrever mais uma vez este mês, mas estou querendo chegar à perfeição que seriam três postagens por mês, enquanto isso escrevo sem borracha, sem me importar muito com meus erros de gramática (aceitando correções), escrevo pra saber que existo.

Mas pra falar verdade que ponto é esse, que venho falar, hoje subi na laje onde moro e olhei para o horizonte e só vi prédios e mais prédios, me fez lembrar quando eu morava no interior, não que eu sinta saudade, por que foi aqui na capital que me adaptei, mas lá eu conseguia ver o horizonte mais longe, temos que aprender a aceitar as coisas, digo talvez quem sabe...

Dizem que olhar para o horizonte faz bem, pode até ser uma metáfora, se quiserem saber mais a internet está aí, olhar para o futuro, e com isso chego à minha conclusão.
Até que ponto tem chegado sua visão, pense e se tiver uma oportunidade olhe o mais longe que você puder, mas sem binóculos, não vale trapacear.


E se faltar algum (i) é por que meu teclado já está indo pro beleleu, é tão velho quando esse blog...
Ainda bem que pouca gente lê, meus antigos amigos que sentirem falta das bobagens que eu falo está postagem é pra vocês, agora vou tomar um café, quem sabe um Melitta.

segunda-feira, 4 de julho de 2011

Historiador

Historiador
"Indivíduo que estuda, pesquisa ou escreve sobre história"
Fonte: Redação Brasil Profissões
O que é ser historiador?
Historiadores são profissionais que reúnem documentos e dados, situam os fatos em seu contexto, reconstroem, interpretam e analisam o passado de indivíduos, grupos e movimentos sociais, instituições, regiões, cultura, arte, idéias e costumes - que abrangem todos os aspectos da História.
Qual a formação necessária para ser historiador?
Para exercer o magistério no ensino fundamental e médio, é preciso ter bacharelado e licenciatura em história. Para o ensino universitário, a licenciatura não é necessária, mas quase sempre é preciso ter o grau de mestre ou doutor. Há programas de mestrado e doutorado em história que constituem excelente qualificação para prestadores de serviços de consultoria na área de produção cultural em geral.
Principais atividades de um historiador
Além de atuarem como professores do ensino fundamental, médio e superior, historiadores atuam na área de pesquisa e consultoria, dedicando-se a:
  • levantar e analisar a bibliografia sobre o assunto em pauta;
  • analisar e interpretar documentos originais como cartas, telegramas, diários, jornais, fotografias, gravações, objetos, arquivos;
  • fazer o levantamento e organização de acervos;
  • fazer entrevistas e organizar informações;
  • escrever e publicar teses, artigos, livros, revistas e catálogos;
  • elaborar projetos e levantar recursos;
  • organizar exposições históricas e eventos comemorativos em museus, sítios históricos, bibliotecas e arquivos públicos, empresas privadas;
  • organizar seminários e ciclos de debates;
  • assessorar empresas de turismo na elaboração de roteiros de viagens;
  • assessorar escritores, roteiristas e autores de produções culturais na criação de seus projetos;
  • atuar como produtor de arte, contratado por emissoras de televisão para ambientar personagens, orientar figurino, decoração de interiores, e cenários externos de acordo com o estilo da época em que se desenvolve a trama.
Áreas de atuação e especialidade
  • Ensino: lecionar no ensino fundamental, médio e superior.
  • Consultoria: levantar e organizar informações para publicações, exposições e eventos em empresas, museus, editoras, produtoras de vídeo e CD-ROM ou emissoras de TV. Dar palestras e seminários.
  • Pesquisa: investigar e analisar fatos históricos, consultando as mais diversas fontes (bibliotecas, entidades, pessoas etc.). Publicar teses (pela universidade) ou livros, quando o tema é de interesse geral.
Fonte: Brasil Profissões